quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Da Fraqueza Humana

Ouvindo Led Zeppelin em uma aula de matemática, onde adolescentes parecem vir do jardim da infância, e as matérias do primário. A futilidade das garotas que sentam do outro lado da sala me incomoda, mas não posso fazer nada. 

Por enquanto que ouço Starway to Heaven, sinto o mundo desabar atrás de meus ombros, como se todo o problema, caos e destruição estivesssem lá, ouço me chamarem para encara-los de frente, a maior realidade, encarar. Me nego a ir lá, sou fraca demais. Pois sempre acho que meus problemas são maiores do que posso suportar.Enquanto há pessoas que sofrem mais e vivem bem, por não  acharem seus problemas maiores do que possam carregar.

Sou fraca, sou muito debilitada. Sempre tenho medo, sempre me escondo no egoísmo, não consigo mais tirar essa capa, não consigo viver.
Talvez eu acabe velha e amargurada, mas não desejo isso.
Tenho que me levantar e lutar contra o que sou, e o que não sou. Virarei a minha própria heroína

2 comentários:

onomedissoesarcasmo disse...

Como te falei no msn, me identifico tanto com essas últimas frases... Tenho medo de muita coisa, sem saber quem eu sou realmente, se vou superar as coisas que passei (por mais que existam milhões que pessoas que superam coisa pior, sempre existe aquele medo). Mas mesmo assim, tem uma ideologia que me esforço (por mais difícil que seja) para seguir: http://24.media.tumblr.com/tumblr_lq344c8LGp1qf3lleo1_500.jpg

Thauany S. disse...

Lindo texto. Autêntico, sincero e singelo. Acho que são esses os adjetivos que definem bem.
Me lembra um pouco Caio Fernando Abreu, por mais que ele seja porra louca, exagerado e delirante, lembra por a maneira como expõe o que sente.
Falar do cotidiano e do que sente sem parecer fútil ou maçante, é uma arte. Sem egocentrismo, permitindo que o leitor se identifique com certas sensações, opiniões e momentos que relata. Falar de momentos tensos ou, como nesse post, de suas fraquezas sem parecer demasiado melancólico - ou numa expressão mais moderna: emo.
Enfim, parabéns!

Postar um comentário

Obrigada por ler e comentar <3